Orlando Morando, Alex Manente, William Dib e muito mais sobre a política regional



Divulgação

VICE DE ORLANDO
Embora DIGA que ampliou o leque de possíveis indicados para ser seu companheiro de chapa, está consolidado o nome do vereador Marcelo Lima (Solidariedade) para esta posição. Os demais nomes apresentados figuram apenas para mostrar a força de uma aliança. De longe, Marcelo Lima é o que mais agrega.

VICE DE ALEX
Líderes da campanha do deputado federal Alex Manente tentam apagar um incêndio em início, antes que vire labareda. Admir Ferro anda inconformado com a possibilidade de não ser o companheiro de chapa de Manente, o que seria uma reedição da campanha de 2012. O nome do vereador Cabrera desponta como a opção mais certa. Mas outros nomes estão na briga: Dr. Davanzo (presidente licenciado da OAB/SBC) e do vereador Rafael Demarchi (PRB), que poderiam surgir como consenso. A ideia ganha força. A conferir.........

DEFESA OU ATAQUE???
O ex-prefeito e ex-deputado federal William Dib mandou protocolar sua defesa no diretório municipal do PSDB. Primeiro: funcionárias despreparadas não sabiam sequer o que fazer: receber ou não o documento. Seguindo: Quem leu a peça vê mais uma taque às posturas do que uma defesa.

DEFESA OU ATAQUE??? II
No documento uma referência aos três vereadores que assinaram o documento: Pery Cartola, Juarez Tudo Azul e Hiroyki Minami que são classificados como “três mosqueteiros”. Ai é querer o exercício de uma inteligência artificial. A referência aos três mosqueteiros deve-se ao fato de que na obra do imortal Alexandre Dumas, esses não tinham causa pessoal, defendiam a causa do rei. Na realidade batateira, qualquer semelhança com a ficção não é casual.

DEFESA OU ATAQUE??? III
Importante lembrar que Pery Cartola já recebeu a ajuda do então deputado federal William Dib e sua esposa esteve os quatro anos, lotada no gabinete deste. Minami foi Secretário de Administração da Gestão Dib e Juarez Tudo Azul vereador da base de sustentação do então prefeito. O trio defende uma causa que não é deles. Ainda dizem para quem deseja ouvir que foram obrigados por Orlando Morando a assinarem o documento sob ameaça de expulsão do partido.

LICENÇA
Segundo comentários no Paço Municipal, o prefeito Luiz Marinho deve licenciar-se a partir de agosto do cargo de forma não remunerada para fazer campanha para o seu ungido, Tarcisio Secoli. Marinho acredita piamente que elege Tarcisio seu sucessor. Uma tarefa hercúlea, mas da qual também depende seus projetos futuros.

CELULAR DESAPARECIDO
Até o momento o celular do vereador Matias Fiuza sumido na última sessão ordinária do primeiro semestre não apareceu. Parece que tinha gente mais preocupada com o celular do que nas explicações dos vereadores na sala de apoio. No segundo semestre é recomendado que nãos e leve celulares ou outros objetos para esse tipo de reunião. Que coisa!

O CLONE
O vereador Julinho Fuzari, presidente do PPS levou a pior. Ácido critico da coligação da legenda com o PRB de Rafael Demarchi e João Batista foi derrotado e terá que engolir a coligação.a final de contas foi acordo do mandatário da legenda e prefeituravel Alex Manente com o deputado federal e presidente nacional do PRB e atual Ministro de Temer, Marcos Pereira.

O CLONE II
Julinho Fuzari que imita o deputado federal Alex Manente até no corte de cabelo e vestimentas, tem dito em seletas rodas que terá pelo menos 15 mil votos. Tem o sonho de ultrapassar o chefe que foi o mais votado em 2004. A conferir............

CAMPANHAS VENCEDORAS
Alguns candidatos a vereador já posam como eleitos. Não atendem telefone, não retornam chamadas e outros detalhes. Admilson Oliveira do Sintracon (PT) e Gordo da Adega (PC do B) são dois exemplos desse comportamento. Se estão eleitos quem dirá é a população. A conferir.......

PAULO DIAS
O Secretário de Educação, Paulo Dias anda fazendo um esforço danado para eleger a representante do Sindicato dos Metalúrgicos Analice. O secretário tem colocado a estrutura da pasta, o que é ilegal, a serviço da pré-candidata a vereadora. Novos funcionários são obrigados a passar pelo beija mão, além de terem que marcar reuniões para a moça. Que coisa!

NILZA DE OLIVEIRA
A chefona e prefeitona Nilza de Oliveira utiliza o mesmo expediente para o seu ungido, José Cloves. Todos seus subordinados são orientados a trabalharem para o vereador petista. A mulher manda e desmanda e ai de quem não obedece.

PMDB
A legenda do presidente interino da República, Michel Temer é aquilo que todo mundo já sabe há décadas, um verdadeiro e grande prostíbulo, e em São Bernardo do Campo não é diferente. Manda no partido quem não tem voto, no caso, Tunico Vieira que já se ofereceu para todo mundo, mas ninguém quer pagar o preço que é alto demais. Pelas avaliações mais otimistas, Tunico Vieira sequer se elegeria vereador.

PMDB II
Os pré-candidatos a vereador da legenda, em sua maioria defendem uma aliança com o governo e indicado o companheiro de chapa de Tarciso Secoli, o problema é que para ser qualquer coisa na legenda, Tunico Vieira quer que seja ele e somente ele. Andou dizendo que foi chamado pelo prefeito Luiz Marinho para uma conversa.

PMDB III
Assessores do prefeito Luiz Marinho desmentem esse posicionamento e destacam que eles se encontraram sim em dois momentos: 1) no velório da mãe da rainha da catraca e 2) na posse da nova diretoria do Rotary. Dizem que Tunico Vieira não é boa companhia nem para uma cachaça. Que coisa!

PMDB IV
A legenda anda tão confusa que até o jovem Bruno Gabriel articula seu nome para ser vice por uma indicação de Baleia Rossi. Ou seja, o PMDB não muda o que muda, são alguns nomes, mas esse DNA está danificado, comprometido. Que coisa!

ESTEVÃO CAMOLESI
O vereador que menos aparece em época de eleição é Estevão Camolesi do PPS. Nas últimas duas ficou doente de véspera e foi até internado. Já anda sumido algum tempo. Há quem diga que está doente. Mas deve curar-se depois de outubro. A conferir..........

COORDENADOR EXECUTIVO
O ex-secretário de Comunicação, Fabio Cassetari tem um papel importante na campanha de Tarcisio Secoli: é o coordenador executivo da campanha. Na verdade é o amalgama que precisava para juntar as diversas correntes do petismo, que se deixadas soltas se matam. Pelo jeito vão matar Cassetari antes do tempo. A conferir.........

SOLIDARIEDADE
Presidido pelo vereador Marcelo Lima na cidade a legenda deve fazer dois vereadores, e não por acaso dois assessores diretos de Lima: Fran e Ivan. Dois nomes que tem trabalho na rua e interagem muito bem com seus públicos. Uma aposta em quem realmente trabalha. O problema é que eleitos deverão obrigatoriamente levar algumas malas. E de quebra Marcelo Lima terá uma bancada para seu projeto de 2018.

DEM
O prefeito Luiz Marinho se reuniu na semana passada com deputados da cúpula do DEM. Segundo consta a legenda, depois de anunciar apoio a Alex Manente deve rever o processo. A conferir........

NOVO TUNICO
O vereador Mauro Miaguti (DEM) vem sendo chamado em algumas rodas da cidade como o Novo Tunico Vieira. Tudo por conta de suas posturas dúbias. Dizem que deve ser um excelente dançarino de valsa: é sempre dois pra lá e dois pra cá e dois...bem deixa pra lá.

ABRIR O OLHO
A presidência da Casa deveria ficar de olho nos seus apaniguados nas terceirizadas. Alguns deles, com medo de perderem o emprego, andam se oferecendo para todas as correntes da casa. Em breve nomes. Que coisa! E olha que eles tem sido tratados a pão de ló pelo presidente e sua assessoria.

CARROS OFICIAIS
Uma pequena observação. Os carros oficiais que servem os secretários sofreram uma leve modificação: a maioria deles está sem a placa preta que os identifica. Dessa forma passam despercebidos em eventos da pré-campanha. Mas há quem esteja anotando as placas.

MARCIA DO CALUX
A ex-assessora do vereador Cabrera, Marcia do Calux é pré-candidata a vereadora pelo PSB. A moça com forte base eleitoral no Calux, como sugere seu nome e no Planalto é uma das apostas da legenda que somente conta com o vereador Fábio Landi em seus quadros. Deve ser uma grata surpresa. A conferir........

RAMIRO MEVES
Já foi vereador e deputado estadual, destaca que será candidato a vereador, agora foi apontado como possível companheiro de chapa de Tarciso Secoli. A conferir.........

VAI FALTAR
Se os números apresentados pelos pré-candidatos a vereador forem levados a sério, vai faltar eleitores na cidade. Quando se conversa com praticamente uma grande gama desses postulantes todos falam em cerca de 3 mil votos. Parece que o pessoal não lê jornal, não acompanha os fatos, e não tem discernimento. É bom que não tenham corda em casa depois de apuradas as urnas.

SEGURANÇA
A segurança da Câmara Municipal voltou a ser falha, principalmente no que diz respeito ao estacionamento da Casa. De propósito alguns vigilantes tem deixado se ludibriarem. Virou de novo Casa da Mãe Joana. Ninguém sabe quem manda e ninguém obedece. É a era da média, de novo.