Piada, Orlando Morando, Rafael Demarchi, Marcelo Lima e muito mais



Divulgação

PIADA
Namoro em São Bernardo está virando piada até em rodas políticas. Vereador parece que não aguenta e não controla a mulher e tem que obriga membros de campanha majoritária a tolera-la. Mas para ser atendida ela tem que ser levada a reboque. Só desse jeito consegue ser atendida para tentar fazer a sua média. Em breve os nomes.

ORLANDO MORANDO
O deputado estadual inaugurou o comitê central de campanha neste sábado (27) no centro da cidade, mesmo dia em que jornal regional divulgou pesquisa do instituto Vox Populi na qual ele aparece em primeiro lugar. O detalhe é que essa pesquisa já vinha sendo anunciada há mais de dois meses. E quem tiver o trabalho de ler a matéria verá que foi realizada há mais de um mês (13 e 14 de julho).

ORLANDO MORANDO II
Em seu discurso Orlando Morando disse que pesquisa reflete o momento e que pesquisa boa é na urna. Ou seja, a pesquisa refletiria o cenário de 13 e 14 de julho, não do dia da divulgação. A metodologia da ação demonstra desespero de causa, e a necessidade de criar fatos novos para tentar motivar os candidatos.

ORLANDO MORANDO III
Pouco mais de 200 pessoas estiveram presentes no comitê central. Faltaram alguns nomes de candidatos a vereador. Não se notou a presença do Dr. Sakamoto do Baeta Neves e nem do Dr. Mario de Abreu. Parece que o pessoal está dando mais importância às campanhas próprias. Entre os vereadores não se notou a presença do decano Minami.

ORLANDO MORANDO IV
O deputado estadual fala em campanha propositiva mas diz que é o mais preparado e que o “outro” candidato não tem experiência. Qual a experiência de Orlando Morando no Executivo a não ser as indicações que fez no Governo Dib de apadrinhados políticos, a indicação de apadrinhados políticos em Diadema, no Governo Lauro Michels. Além do que importante lembrar que Alex Manente elegeu-se deputado federal e ele continua na Assembleia Legislativa, e quando muito frequenta Brasília.

ORLANDO MORANDO V
Outra coisa importante do discurso de Orlando Morando é que ele fala em ser o candidato da mudança. A cidade já teve essa grande experiência com candidatos da mudança. Você se lembra? Foi em 2008. A Mudança do Marinho deu no que deu na cidade. Acabou com uniforme escolar, acabou com material escolar, acabou com a merenda escolar, acabou dando poderes para a primeira-dama Nilza de Oliveira.

RAFAEL DEMARCHI
O vereador Rafael Demarchi anda marcando presença em toda a cidade. Com bom público no meio evangélico, ampliado pelo relacionamento com diversas igrejas, com a parceria com a AGI – Associação Gospel Independente e a realização da Segunda Semana da Cultura Gospel de São Bernardo do Campo.

RAFAEL DEMARCHI II
Importante lembrar que o vereador foi o líder mais expressivo na luta contra a implementação da Ideologia de Gênero nas Escolas Municipais da cidade e também em todo o serviço público como pretendia o governo petista.

MARCELO LIMA
Já é recorrente na campanha de Orlando Morando que o que a esta salvando até o momento é o candidato a vice-prefeito Marcelo Lima que tem dado gás, organização e direção. Marcelo Lima conseguiu dar um plus e animo à militância. O resto é mais do mesmo.

INEDITISMO
O ineditismo das campanhas majoritárias é que elas estão bem servidas de candidatos a vice-prefeitos: Admir Ferro (vice de Alex Manente) foi o presidente da Constituinte Municipal, secretário de Educação e seis vezes eleito vereador. Ramiro Meves (vice de Tarcisio Secoli) nome tradicional da política batateira, diversas vezes vereador, subprefeito na Capital paulista, deputado estadual e subprefeito de Rudge Ramos; e Marcelo Lima, em seu segundo mandato tem deixado marca combativa na Casa Legislativa. Aos perdedores não será dada a desculpa de colocar a culpa nos companheiros de chapa.

SOLIDARIEDADE
O Partido Solidariedade presidido por Marcelo Lima tem três grandes nomes que devem surpreender na eleição: Fran e Ivan ex-assessores de Marcelo Lima na Câmara Municipal já levam vantagem pelo trabalho que sempre realizaram. O outro, Luiz Felipe Pitoko é o mais jovem de todos os candidatos da cidade e está ralando como nunca.

LICENÇA
Segundo consta, o prefeito Luiz Marinho deverá se licenciar a partir de 1º de setembro para se dedicar integralmente à campanha de tarciso Secoli. O “Ice man” tem deixado atônitos até aliados políticos por mostrar confiança em levar seu candidato ao segundo turno das eleições ou de liquida-la em primeiro turno. Se já achavam loucura de Marinho, agora dizem que ele deixou de tomar gardenal de vez.

IMPRESSIONANTE
Todo mundo acha impressionante como em ano eleitoral a Poderosa Primeira-dama e chefe de governo Nilza de Oliveira fica de boca fechada. Acham que deveriam ter eleição todos os anos nas cidades onde estiver trabalhando. Mentora da candidatura de Tarcisio Secoli o que fará Nilza de Oliveira em caso de naufrágio do projeto.

QUEM VAI LEVAR
Tunico Vieira mostrou que além de mau político é mau jogador de pôquer. Blefou e quebrou a cara. Talvez seu prêmio de consolação seja mesmo, caso Gilberto França não se eleja vereador, o de ter contribuído de forma significativa para isso. Agora resta esperar pelo segundo turno e ver se alguém vai leva-lo como premio de consolação, a penas para dizer que tem o PMDB,

QUEM VAI LEVAR II
Resta saber se o próximo prefeito da cidade acabará se rendendo a seus encantos e arrumando um cargo para ele com a desculpa de levar a legenda para o governo. Sob o atual comando, a única coisa boa para o PMDB seria criar a subprefeitura do Morro do Macaco e manda-lo para lá. Nem para Relações Internacionais serve mais, aliás, pasta que deveria ser extinta.