Cidades Diadema

Curso de jardinagem muda vida de moradores de Diadema


Postada em 21/03/2016 às 17:30
Por Prefeitura de Diadema

Por Marina Ferreira / Fotos: Mauro Pedroso

É com as mãos na terra e o cheiro do plantio no ar que ela relembra sua origem. Nascida no interior de São Paulo, Dona Creusa Ribeiro, de 61 anos, encontrou no curso de jardinagem oferecido pela Unidade Básica de Saúde (UBS) Conceição, um complemento para o tratamento de sua depressão. Há cerca de um mês, toda terça-feira, ela e mais seis pessoas se reúnem na UBS Conceição para as aulas teóricas e práticas. Além de aprender temas diferentes a cada semana e compartilhar experiências em grupo, ao final das aulas, Dona Creusa e seus colegas receberão um certificado de conclusão de curso, previsto para o mês de abril. O convite para participar das atividades é feito pela equipe da UBS e indicado para complementar e auxiliar no tratamento de diferentes problemas.

Na parte teórica, os alunos conhecem as principais ferramentas de jardinagem, os princípios de compostagem, adubação e defensivos orgânicos (usando ingredientes de fácil acesso), técnicas de plantio usado em jardins e hortas domésticas e introdução ao cultivo de orquídeas, bem como suas técnicas e curiosidades. Já nas aulas práticas, ocorre a demonstração dos temas abordados em sala para que eles aprendam o modo correto dos procedimentos.

Com o objetivo de oferecer uma atividade terapêutica para complementar e auxiliar no tratamento realizado na própria UBS, o público alvo do curso são pacientes e moradores do entorno. 

Exemplo disso é a Dona Marlene Rodrigues, de 63 anos, que, durante a consulta com o clínico da UBS, foi convidada a participar do curso e, desde então, só percebeu melhorias em sua vida. “Estou muito bem, como nunca me vi antes. Essas atividades ocupam a minha mente, traz novas amizades e me distancia da depressão. Além da alimentação que eu já melhorei, também me ajuda a cuidar das plantas que eu tenho em casa”, afirmou.

Com materiais como terra preparada, enxada, pneu pintado e decorado pelos próprios participantes e cabo de vassoura para dar sustentação às plantas, a pequena plantação hoje conta com salsa, chuchu, maracujá, alecrim, hortelã, boldo, guaco, manjericão, erva cidreira, gengibre e açafrão, itens providenciados pela própria UBS, em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente ou doados pelos participantes do curso.  

Todo o plantio pode ser colhido pelos integrantes ou por qualquer morador da região, basta procurar a equipe de saúde da UBS Conceição.

Para o técnico agrícola da Secretaria de Meio Ambiente, Diego Cardoso, um dos responsáveis pelas aulas teóricas, esse tipo de atividade reflete diretamente na saúde do paciente. “Ao longo dos trabalhos, temos notado um avanço no tratamento dos pacientes que frequentam as aulas do curso, melhorando a autoestima, a segurança com eles mesmos e a saúde”, afirmou.